Lipgloss 3D Hydra - KIKO Milano

Quarta-feira com feriado e resenha, não podia ser melhor, né? Que delícia um day off no meio da semana pra gente conseguir curtir e aproveitar. 

Mesmo sendo feriado, as atividades por aqui não param nunca, isso vocês já sabem né?

Lembram do post que eu fiz contando que a KIKO Milano vai chegar em São Paulo em novembro? Pra quem não viu, é esse post aqui. Neste mesmo post eu comento que eu já estava testando alguns produtinhos da marca, e hoje eu vim aqui contar tudinho pra vocês sobre o gloss 3D Hydra da KIKO.

 

Apresentando - Lipgloss 3D Hydra da KIKO Milano
Cor 22

Há anos eu não usava gloss. Mesmo gostando bastante de usar esse tipo de produto, eu quase nunca uso, pois o marido reclama bastante que a boca fica melecada demais! Hahahahaha! Haja batom matte, né pessoal?
Eu adoro o brilho e a hidratação que o gloss proporciona, e esse da KIKO é ainda mais hidratante, pois tem uma fórmula desenvolvida especificamente para turbinar a hidratação dos lábios.

Alías, tudo nesse gloss é lindo. Embalgem, cor, brilhos e até o cheirinho é super gostoso. Além disso, ele não é aquele tipo de gloss super transparente, sabe? Ele adiciona cor ao lábio, e uma bem viva mesmo, fiel à cor da embalagem. Tem uns brilhinhos incríveis que se intensificam dependendo da luz do ambiente, mas ao mesmo tempo são brilhos bem discretos e "fininhos".

kiki-gloss.jpg

A embalagem é um caso à parte, né? Ele é todo de plástico, mas quando a gente olha, parece que é vidro. Achei muito chic, phyno & elegante.
O aplicador dele é aquele bem comum de gloss (foto acima) e a duração é incrível. Posso arriscar dizer que foi o gloss que mais durou nos meus lábios. 
O mais surpreendente pra mim, foi o quanto ele é confortável nos lábios. Nada de deixar a boca peguenta, sabe? Acho que por isso que dura tanto! 

Fiz um mini vídeo no Instagram para mostrar pra vocês o gloss em ação. 

Ganhei esse Gloss de presente da Betinha, minha sogra, por isso não sei o valor dele, mas eu tenho certeza que essa linha de Gloss vem com a marca para o Brasil, e assim que inaugurar a loja, eu corro lá para descobrir o valor dele e faço um update aqui pra vocês, combinado?

Resumindo tudo, eu não sei se é porque eu não usava gloss há muito tempo, mas eu amei esse da KIKO. Gostei de tudo nele, nota máxima para a KIKO. 

Ficamos na esperança de que a a marca chegue por aqui com a mesma qualidade e politica de preços, né pessoal? Assim só vai aumentar nosso amor por eles! 

Espero que tenham gostado do post. Bom feriado para todos, beijos e até sexta-feira!

Esponja de Maquiagem - The Beauty Box

Essa quarta-feira chega com resenha de um dos acessórios que eu mais demorei para começar a usar e me adaptar, mas que já virou favorito na hora de dar acabamento na make.

Devo confessar que sou super apegada aos pincéis duo-fiber na hora de aplicar a base, e raramente me aventuro em alguma aplicação diferente. De vez em quando, bem de vez em quando mesmo, eu aplico a base com os dedos ou recorro as esponjinhas, primas da famosa (e caríssima) Beauty Blender. O fato é que eu nunca me adaptei com as esponjinhas que testei, lembrando que eu nunca experimentei a original Beauty Blender, e acabava sempre abandonando elas. 

Em agosto eu comprei mais uma esponjinha para testar, e dessa vez parece que ela não será abandonada.

APRESENTANDO - ESPONJA DE MAQUIAGEM DA THE BEAUTY BOX

Pra começar, eu queria dizer que eu não estou usando a esponja para aplicar a base, e sim para dar acabamento.
Depois que aplico a base com o pincel, eu dou batidinhas com a bundinha da esponja no rosto todo para a base assentar e dar um acabamento muito mais natural.
Tenho adorado essa técnica. Quando a base tem cobertura mais leve, eu aplico a esponja à seco, e quando a base é mais pesada, eu acabo umedecendo a esponja com água, água termal ou até com o spray Fix+ da M.A.C.
Acho que o resultado tem sido uma pele mais natural e com uma cobertura mais uniforme.

Já que isso aqui é uma resenha, vamos falar sobre as características da esponjinha.
Ela é bem macia, principalmente se comparada com as outras esponjas nacionais que eu já testei. Infelizmente eu não tenho a Beauty Blender para comparar, mas posso garantir que ela foi a que apresentou o melhor resultado tanto para aplicar, quanto para dar acabamento. Como eu disse acima, não uso para aplicar, mas apliquei a base com ela algumas vezes para testar e ver o resultado.

A espuma dela é bem macia e eu sinto que ela absorve menos produto que as outras. Outra coisa bem positiva é que mesmo quando eu aplico a base com ela, a base não fica marcada, sabe? Com outras esponjinhas eu sempre tive a sensação que a pele ficava marcada, como se eu tivesse esfregado e arrastado a base na cara, mesmo passando bem levemente. Esse é um dos motivos de nunca ter me adaptado com elas. Com essa é bem diferente, ela não marca mesmo. 
Só senti falta de uma pontinha mais aguda para os cantinhos do nariz e olhos, mas de resto eu adorei a esponja da The Beauty Box.

Ah, vale dizer que eu as marcas que eu já testei foram Kiss New York, Belliz e Macrilan. Ainda quero testar a da Real Techniques e a tão famosa Beauty Blender que prometem milagres.

Resumindo tudo, apesar da minha super baixa expectativa em testar mais uma esponjinha, essa realmente surpreendeu e me fez voltar a pensar que as esponjinhas podem sim ser uma excelente opção para a aplicação da base.

A esponja é vendida nas lojas da The Beauty Box e eu paguei R$ 24,90 nela. Precinho super amigo, principalmente porque eu já lavei a minha algumas vezes e ela não apresentou nenhuma deformidade pós lavagem, ou seja, vai durar bastante.

Por hoje é só pessoal, nos encontramos de novo na sexta-feira. Beijos e até lá.