Tenho Inveja Dessa Vida!

Ah, como eu invejo os gatos!
Essa vida descompromissada com absolutamente qualquer coisa, exceto por sua comida e seu sono, me mata de inveja!

A rotina do Link é praticamente assim: dorme e ronca, come, toma sol, dorme, come, brinca com as minhas xuxinhas de cabelo, dorme mais um pouco, come mais um pouco, faz lambança com o potinho de água, volta a dormir, pede carinho e cafuné, come mais um pouco e por fim tira mais um cochilinho!

Como não invejar essa vida?

miau.jpg

No meio tempo entre dormir e comer, ele também adora caçar novos buracos pela casa e mesmo que ele não caiba, ele insiste em ficar deliciosamente desconfortável naquele lugar e não saí dali por algumas horas. Ele pode estar sofrendo de torcicolo, faz até cara de coitadinho, mas não sai de jeito nenhum.

Pela foto pode não parecer, mas o Link é enorme pra esse buraco! Esta pequena bola de pêlos pesa aproximadamente 9 kg e esse buraco do móvel da sala é super pequenininho, mas ele se espreme todo e dorme!

Ah, mas engana-se quem pensa que ele sofre com dores nas costas (gatos tem costas?), já que geralmente a primeira coisa que ele faz quando finalmente resolve sair do buraco é se espreguiçar, subir saltando na pia do banheiro e fazer altas acrobacias para beber água da torneira, depois passa horas fazendo contorcionismos enquanto se lambe para limpar seu pêlo! É praticamente uma minhoca gorda esse gato.

Oi senhor minhoca!

miau.jpg

Ah, como eu amo esse fucinho rosa e esses olhinhos brilhantes!

Gatos são basicamente acrobatas por natureza e eu amo a habilidade, a sutileza e a leveza que os felinos possuem, mesmo quando eles pesam algumas toneladas como o Link.

Bom final de semana pessoal.
Beijos e até segunda-feira!

Como é Ter um Gato?

Se tem uma coisa que ainda não aconteceu esse ano nesse blog, foi o nosso gordo peludinho aparecer por aqui né? Como eu sei que vocês adoram quando eu trago essa gostosura aqui, resolvi que hoje era o dia perfeito, afinal toda segunda-feira merece uma dose de fofura! 

cute.jpg

Muita gente me pergunta como é ter um gato, e hoje eu vou tentar resumir em algumas imagens e poucas palavras como é conviver com uma fofurinha dessas. 

Basicamente o dia começa quando você levanta o lençol e se depara com essa cena abaixo:

gato.jpg

De repente você resolve estender seu tapetinho para fazer um  belo alongamento e aproveitar o sol que bate ali na sua varanda, mas antes mesmo de você se deitar essa coisinha surge assim:

ioga.jpg

De vez em quando, uma coisa simples como ir ao banheiro de madrugada pode se tornar um verdadeiro desafio, principalmente quando o gato cisma que ele e o tapete são exatamente a mesma coisa. Como fechar a porta sem atrapalhar esse soninho?

banho.jpg

E se bater aquela sede ou fome no meio dia e você levantar da sua cadeira para buscar um copo de água ou uma bolachinha, perdeu playboy, foi namorar perdeu o lugar! 

cadeira.jpg

O Pior é quando o interfone do prédio toca pra avisar que chegou alguma encomenda na portaria e você sai correndo igual uma louca, mas quase tropeça e morre com essas bagunças largadas no chão! Olha esse barrigão gente!

chao.jpg

Ele também adora colocar o bronze em dia e dar uma turbinada na vitamina D! Além de ficar xeretando toda a movimentação da vida dos vizinhos.

janela.jpg

Ah, sempre tem o soninho no fim da tarde para o gatinho recuperar a alta energia que gastou ao longo do dia roubando nossos lugares e fazendo rápidas corridas até o pratinho de comida para dar aquela beliscadinha básica.

soninho.jpg

Depois ele acorda cheio de energia querendo brincar! Pode apostar que ele vai ficar na frente dos brinquedinhos dele, te olhando e miando baixinho com essa cara de pau, implorando por atenção, mesmo que você esteja muito ocupada dobrando calcinhas, cuecas e meias para guarda-las no armário ou assistindo aquele filme super tenso ou aquela série favorita. Como resistir à esse apelo?

play.jpg

Muitas vezes ele até leva seu brinquedo favorito até os seus pés, fazendo o maior charme e mostrando o quanto ele quer brincar naquele momento. Aí você não resiste, desiste de tudo o que está fazendo e se rende

ratinho.jpg

Exatamente na hora que você resolver dar atenção pra ele, ele desiste de brincar e agora quer só ficar ali deitadinho, olhando o movimento da casa, pensando na vida dura e difícil que ele leva e tentando advinhar quando será que ela vai ganhar o próximo pratinho de blá blá blá Whiskas Sachê! 

gato.jpg

É claro que não poderia faltar a parte que ele fica desesperadamente pedindo por comida! Não é fácil manter o shape desse gatinho pequenino e delicado! 

food.jpg

Depois de um longo dia tão exaustivo e cheio de atividades, ele resolve que já está na hora de ir pra caminha e dorme igual um bebê por horas e horas, mas no meio da madrugada ele sobe na cama pra dormir com seus humanos, porque é mais quentinho!

sono.jpg

Viu, essa é toda a delícia de ter um gatinho em casa. O melhor é que eles enchem a gente de amor e carinho todo santo dia.

Amo animais, mas os gatinhos são os donos do meu coração! Principalmente esse gordinho aí das fotos, o nosso baby Link! 

Espero que tenham gostado do post fofura de hoje, se vocês quiserem pode até rolar um Como é Ter um Gato? parte II, III, IV, V e por aí vai! Vocês que mandam aqui! 

Boa semana pessoal e até quarta-feira!
Beijos.