Super Bowl - Justin Timberlake + Prince no Halftime Show!

Ontem aconteceu o Super Bowl e olha, como é difícil entender o futebol americano! 
O pior é que eu gosto, mesmo não entendo nada. 
Na verdade eu me esforço para entender e, hoje em dia, eu até entendo vagamente, mas BEM vagamente mesmo, sobre alguns elementos do jogo como posições, pontuação, jogadas, lançamentos, recepções, touchdowns, field goals, jardas corridas e toda aquela bagunça que mais parece um "montinho" daqueles que os moleques brincam na escola, no meio do campo, mas ainda me sinto bem Glória Pires no Oscar: não sou capaz de opinar! Hehehehehe!

scrimmage,gif

Porém, o melhor do Super Bowl é geralmente o halftime show!
Os shows do intervalo dos jogos do Super Bowl são provavelmente as apresentações mais disputadas pelos artistas americanos. O Super Bowl é a maior audiência da televisão norte americana e além disso, é o espaço de publicidade mais caro do mundo, ou seja, um baita evento para o currículo de qualquer artista. 

Esse ano o artista que se apresentou foi o Justin Timberlake e já sabemos que o histórico dele no halftime do Super Bowl é um tanto quanto polêmico, né? Quem lembra dessa cena aí abaixo em 2004? 

justinjanet.gif

Esse ano não poderia ser diferente e mais uma vez Justin se envolveu em nova polêmica. Ele anunciou que usaria um holograma do Prince para homenagear o artista que era nascido em Minneapolis, local do jogo, porém a família do cantor não havia autorizado o uso da imagem de Prince, que faleceu em 2016, pois existe uma reportagem em que o próprio artista declara que não gostaria de ser transformado em holografia.
O bafafá deixou no ar a dúvida se ia ou não rolar holograma no show de Justin

O fato é que os fãs que queriam matar a saudade de Prince ficaram bem felizes, pois mesmo Justin tendo respeitado o pedido da família, Prince estava lá. Não foi exatamente um holograma, mas a homenagem aconteceu com imagens do artista projetadas num telão cantando Purple Rain com o Justin, que cantava ao piano na frente do telão.
Sim, foi lindo! 

No mais, Justin arrasou como sempre!
Energia absurdamente deliciosa. Um espetáculo daqueles contagiantes que deixam a gente de boca aberta e sem piscar com tantos efeitos visuais e sonoros, e principalmente as coreôs. Justin continua com a mesma ginga desde quando era só um menininho de cachinhos loiros de uma boyband aí! #N'Sync

Bom, sobre o jogo?
A final foi entre o New England Patriots e o Philadelphia Eagles.
Minha torcida, claro, foi toda para o Patriots #GoPats #GoBrady
Infelizmente o resultado não foi dos melhores, pelo menos não para mim e nem pra família Bündchen Brady!
O Eagles levou o título por 41 a 33 num jogo bem emocionante, super disputado e cheio de recordes quebrados. 

Parabéns Eagles, parabéns Pats, parabéns Justin, parabéns Super Bowl e parabéns para essa bebê mais fofa do mundo que tem o papai quarteback mais feliz da noite, Nick Foles! #FlyEaglesFly 

Uma publicação compartilhada por NFL (@nfl) em

Quem mais aí assistiu o Super Bowl ou o halftime show? Quem aí é da torcida do Pats? Quem é da torcida do Eagles? Quem é da torcida do "não importa quem vai jogar desde que o halftime seja incrível? Me conta que eu quero saber!

Boa semana pessoal.
Beijos e até quarta-feira.

 

Compartilhe nas Redes Sociais