Os Paninhos da Minha Vó!

Oi pessoal, tudo bem?

Normalmente nas quarta-feiras, aqui no Beauty, nós temos posts com resenhas de produtinhos, mas infelizmente hoje, por motivo de forças mais "tristes" não teremos resenha, ok?

A noticia triste do dia é que minha vó faleceu ontem e passamos a madrugada inteira e a manhã de hoje nos despedindo dela e recebendo familiares e amigos.
Me desculpem tá, mas prometo que sexta-feira a resenha entra e semana que vem a agenda do Beauty volta ao normal, combinado? 

Queria agradecer à minha vó por ser tão forte por tanto tempo.
Dona Geralda tinha uma personalidade e tanto. Era louca pelo Palmeiras e xingava todos os juízes de futebol que apitavam os jogo do Palestrinha, hahahahaha! Uma figura!
Era dona do melhor feijão rosetado da vida e fazia uma pele de frango frita indescritível. A gente falava: - Vó, esse "treco" faz mal, e ela respondia com seus mais de 80 anos: é, né bão não, vamo só comer um poquim.

Quando eu casei ela me ligou e disse: fiz uns panim procê deixar sua casa mais bonita! Ela havia feito um conjuntinho de centro de mesa de crochê com 91 anos. Um baita capricho!

panim.jpg

Para nos presentear ela também pediu para o meu pai ir comprar uma panela de pressão (ela já não saía de casa porque havia quebrado o quadril) Quando meu pai comprou e levou pra ela ver, ela mandou ele voltar lá na loja e trocar pela preta, que era mais chique! Hahahahaha!

donageralda.jpg

Vó, obrigada por me ensinar que orelha mole é orelha de preguiçoso e que eu não podia "pousar" na casa do meu namorado (hoje marido), porque era muito cedo ainda! Obrigada por me ensinar que "musga" boa era "musga" caipira. Obrigada por ter sido a mãe, a vó, a bisa e até a tataravó dessa família (sim, minha vó era tataravó). 

E por fim, obrigada por me "dar a bença" sempre que eu chegava na sua casa! 

Vai em paz, vai com Deus! 

Compartilhe nas Redes Sociais